16 de agosto de 2010

Série Anos 1990 SP: 4 - Dama Xoc

Para alguns o Dama Xoc foi o templo das bandas covers e, de fato, todas elas tocaram lá. A força de sua importância está concentrada até 1993-94. Assim como seu vizinho Aeroanta, para falar de Dama Xoc é preciso voltar à segunda metade dos 1980.

O Dama Xoc surgiu em 1988. Foi lá o show de despedida do RPM, em fevereiro de 1989. Ao contrário de outras casas, não sei quem era o dono (ou os donos) e era basicamente uma casa de shows. Não tinha pista de dança, comidas ou outros atrativos.

Eram dois ambientes: o de entrada, onde ficava o bar, sofás e mesas, que era o lugar pré show em que a galera ficava bebendo e conversando; e o ambiente do fundo onde ficava pista e o palco. Lá tinha uma arquibancada de dois degraus em uma das paredes laterais, e que ia de ponta a ponta, havia um "mezanino" onde ficavam mesas que eram servidas por garçons. Não sei dizer quantas pessoas cabiam lá, mas acredito que entre 700 e 800.

Alguns shows no Dama Xoc marcaram minha memória. Um dos primeiros que fui era o lançamento do primeiro disco do Conexão Japeri, de Ed Motta. Não havia muita gente. Também lembro bem do show do De Falla, em que a banda gravou para lançar disco ao vivo (Screw You). Não tinha ninguém no Dama Xoc e fui com Johnny Monster. Além de nós, se tinha mais cinco pessoas de público era muito. Foi ducarai. Na gravação deu tudo errado.

O som estava uma bosta, e todo mundo ficou nervoso. Muita coisa teve que ser refeito em estúdio. O show foi legal, só que mais parecia ensaio, porque parava a toda hora, até mesmo no meio das músicas. Pra nós que estávamos de fora foi legal, mas pra quem estava dentro, foi uma merda. Mas marcou. Ficamos ao lado de (Carlos Eduardo) Miranda na mesa de som, quietinhos como múmias hahaha.

Também teve o histórico show do Ramones. Foram três noites. Na primeira, com o lugar abarrotado, lembro de encontrar na fila de entrada o Digão (Raimundos). Era aquela fila enorme na calçada, carros passando devagar, gente pra todos os lados e, de repente, vejo Digão dirigindo um carro e passando lentamente pelo Dama Xoc. Gritei e ele disse que estava chegando de Brasília naquele momento, nem conhecia nada de SP. Parou o carro e colou na fila comigo. Ele estava com a namorada e mais um casal de amigos. Botamos a conversa em dia e ele me jogou na mão uma fita demo do Raimundos, a primeira gravada com Fred.


Ficamos lá conversando durante muito tempo até que o Dama Xoc abriu. Ao chegar na catraca, a namorada de Digão que tinha 17 anos foi barrada e os dois ficaram na porta se explicando, fui ajudar, mas o segurança foi super delicado comigo me mandando sair dali, assim acabei me perdendo dele, mas sei que todos entraram e viram o show. Logo após o show Digão entrou no carro e voltou pra Brasília. Se não me engano foi isso. São de 10 a 12 horas de estrada. A história desse show já postei aqui no início do blog.

Lá também tinha muito show de metal. Nuclear Assault é outro que lembro (com abertura do Sepultura). Estava abarrotado e durante o show o palco foi uma zona de tanta gente que subia para dar mosh ou simplesmente ficar andando de um lado para o outro.

No camarim do Dama Xoc conheci os irmãos Cavalera. Esse camarim também tem boas histórias. Ele ficava na lateral do palco e era alto. Você tinha que subir algumas escadas e nele havia dois ou três ambientes. Tinha uma janelinha redonda, uma espécie de escotilha, que dava pra ver, do alto, a pista e parte do palco. No primeiro show do Ramones no DX lembro de ver a cara de Joey Ramone na escotilha olhando o público no show de abertura do RDP.

Lá não tinha só shows grandes, também rolavam bandas pequenas. Lembro de assisitir Laura Finocchiaro, que ninguém conhecia. A Plebe Rude fez seu show de lançamento do 3º disco. Várias bandas gravaram discos ao vivo no Dama Xoc. Além de De Falla, teve Volkana e Barão Vermelho, além de bandas evangélicas e de pagode. O Barão é um caso a parte, porque foi ele que fez o show de inauguração do Dama Xoc (abaixo vídeo da TV Cultura).

Nessa final da década de 1980, digo de 1988 até 1990, o Dama Xoc serviu de salvação para muita banda e artista grande, porque como a crise não nos deixava com muito dinheiro para se divertir, o palco do Dama servia como meio termo, já que esses artistas não enchiam casas maiores e não cabiam nas menores.

Dama Xoc e Aeroanta ficavam coisa de, no máximo, três quarteirões de distância. Os dois no Largo da Batata. O Aero na Rua Miguel Isasa, 404 e o Dama Xoc na Rua Butantã, 100. Ali também tinha um boteco que seria de esquenta para a entrada, e era mais difícil de conseguir entrar na faixa. Não era como as outras casas que você ia pra se divertir, ver shows e continuar ali se divertindo. No Dama Xoc você ia apenas para ver o show. Acabava o show, era ir dali para outro lugar (ou outro show ou algum bar).


A tal crise econômica atingiu de cheio o Dama Xoc, exatamente por viver basicamente de show. Por isso, entre 1990 e 1992, a maioria deles eram de bandas covers. Todas que você puder imaginar. Inclusive a estréia do U2 Cover foi em 10 de maio de 1989 no Dama Xoc... data significativa para o universo cover. Em meio a essas bandas, male male os shows autorais continuavam.

Mas o Dama Xoc não tinha a mesma energia das outras casas, exatamente pelo fato de ser muito frio, não acolhia as bandas que formavam o cenário underground alternativo. Não lembro de ter visto por lá shows como Killing Chainsaw, Pin Ups, Yo Ho Delic, Rip Monsters, Okotô, Loop B e outras. Foi muito mais significativo para a cena metal. Inclusive lá rolou uma memorável jam com Sepultura, Korzus e Ratos de Porão, na despedida do RDP que ia para sua primeira turnê internacional.

Quando surgiu o Garage, tô falando de 1994, o Dama Xoc já não era o mesmo. O Garage também ficava algo como dois quarteirões do Dama Xoc. Em seus últimos anos a mistura musical foi maior, já que a casa abriu espaço para bandas de música evangélica e grupos de pagode. As últimas apresentações com a casa já em franca decadência foram do Rage e Grave Digger em 1997. O espaço pode até ter continuado aberto por mais anos, mas aí já era outra coisa.

Dama Xoc marcou época sim. Abrigou grandes shows, mas não ficou marcado como um point e nem era essa a intenção.

Lista de alguns shows que aconteceram lá:


Barão Vermelho, Conexão Japeri, Marcelo Nova e Raul Seixas, Legião Urbana (show fechado), Plebe Rude, Ramones, Nuclear Assault, RDP, Sepultura, De Falla, Korzus, Projeto S (Schiavon ex-RPM), RPM (show de despedida), Supla, Ira!, Violeta de Outono, Fábrica Fagus, Gueto, New Model Army, Capital Inicial, DRI (Korzus abrindo), Lobotomia, Napalm Death, Asia, Rage, Grave Digger, Patrulha do Espaço, Golpe de Estado, Zero, Paralamas, Titãs, Tim Maia, Sepultura, Golpe de Estado, A Chave, Viper, Korzus, Taffo, Avalon, Anjos da Noite, Biquini Cavadão, bandas covers (Police, Frank Zappa, Duran Duran, Queen, Pink Floyd, Guns’n’Cover...).


Entrevista com Barão Vermelho no camarim do Dama Xoc
http://www.tvcultura.com.br/metropolis/blog/28227




Raul Seixas e Marcelo Nova


Golpe de Estado


Azul Limão


RPM


Ramones


Skid Row Cover


Madonna Cover


Cure Cover


Biquini Cavadão


Deep Purple Cover

9 comentários:

Fernando Kosh disse...

Cara, nem sei como te agradecer.
Maravilhoso post, máquina do tempo, legal.
Valeu mesmo!
:-D

Paulo Marchetti disse...

Valeu Fernando. Bons tempos, hein?

Derico disse...

Pôxa! Bacana mesmo. Fui pesquisar sobre o Dama Xoc e me deparei com esse "documento". No interior do Piauí (Francisco Santos) tem um bar chamado Damaxock (Homenagem, claro, ao Dama Xoc) que só toca rock há 20 anos. Dê uma espiada no post que escrevi sobre o "fenômeno": http://www.jornalista292.com.br/noticia_detalhe.php?id=5278

Abraços,
Derico (Dândi)
Picos-PI

Paulo Marchetti disse...

Oi Derico. Grata surpresa receber irmãos do Piauí atrás de notícias do Dama Xoc! Muito boa reportagem. O link ficará aqui como parte desse doc.
Valeu!
abç

Alfredo Brandt disse...

ENTRE NO FACE E CONTATE UM DOS SÓCIOS DO DAMA XOC, O EDUARDO AMARANTE GUITARRISTA DO ZERO.

Loudness disse...

Nuclear Assault!https://www.youtube.com/watch?v=8UFhi9SEFyc

Paulo Marchetti disse...

Loudness! Valeu o link do Nuclear!!! Já incorporado!

Kibe Nintendo disse...

Excelente, ótimo post fui no Dama Xoc no Nazareth e Ásia muito bom está de parabéns pelo post !!!

BANDA QUARTZO disse...

Só corrige aí: Os últimos shows do RPM foram em 23-24-25 de fevereiro de 1989.